Sobre

Indrodução

Timetomind traz opções de treinos simples fundamentados na neurociência aliando respiração com ativação de uma memória muito especial. Tudo isso organizado com carinho e atenção para você.

Regulação emocional através de exercícios de respiração desenhados especialmente para cada situação do dia a dia.

Uma combinação para o Coaching e para o coachee. Uma agenda para ser compartilhada.

Timetomind desenvolveu um preparador emocional só para você, que irá te lembrar dos seus treinos e no final do mês você terá um balanço emocional. Incrível não é?

Regulação Emocional

O treino de regulação emocional consiste em 7 passos. No Timetomind cada tela representa um destes passos.

  1. Selecione o treino de regulação.
  2. Escolha o estado de humor que mais se aproxima do que estiver sentido.
  3. Olhar o Talismã durante o tempo que ele aparecer.
  4. Realize o treino de coerência.
  5. Realize o treino de respiração.
  6. Escolha o estado de humor novamente.
  7. Treino de regulação realizado.

Talismã

Como Talismã você pode selecionar uma imagem de sua galeria de imagens pessoal ou até mesmo tirar uma foto. Recomendamos utilizar uma imagem no formato retangular onde o comprimento seja maior que a altura.

Talismã aparecerá na etapa 3 e 5 do treino de regulação emocional.

Balanço Emocional

Balanço Emocional fornece dois indicadores psicofisiológicos dos treinos em formato de gráfico temporal das medições. O gráfico de Balanço Emocional reflete o tempo de resposta nos registros de humor, etapas 2 e 6 do treino de regulação emocional. O gráfico de Tempo de Treino mostra o tempo relativo entre os treinos de respiração. Por exemplo, se você deixou de realizar um treino completo poderá visualizar neste gráfico.

Cultura Emocional

Registre o humor com o Timetomind e mantenha-se informado de suas mudanças de humor. Você também pode apenas registrar o seu estado de humor com o Timetomind e monitorar suas mudanças de humor.

Coaching

Você pode agendar um treino em um horário e dia específico que o Timetomind lembra você de realizar o treino.

Você Sabia?

  • A respiração pode influenciar suas emoções, temperatura do corpo e até seus batimentos cardíacos e consequentemente sua pressão arterial.
  • A neuroplasticidade permite mudanças incríveis. Conheça nossas ferramentas de afeto positivo.
  • Nossas emoções não equilibradas podem influenciar a qualidade do sono, níveis de ansiedade, foco, oratória, reunioẽs de trabalho, relacionamentos, alergias, pressão arterial e estresse.
  • Estados mentais podem alterar estados fisiológicos e estados fisiológicos podem alterar estados mentais. Seria possível influenciar nossas emoções?
  • Você também pode usar o Timetomind para contribuir com sua renda financeira. Se você é um coachee, professor, psicólogo, médico, entre outras atividades que incluam o desenvolvimento humano é possível usar o Timetomind. Entre no site ruymarra.com.br e descubra como.

Ciencia

A forma como nos adaptamos as situações e desafios da vida poderá depender de vários fatores: sociais, comportamentais, ambientais, cognitivos, afetivos e fisiológicos. Estados cerebrais podem alterar estados fisiológicos bem como estados fisiológicos podem alterar estados cerebrais e é conhecido por modelo Neurovisceral( Thayer et al,2012) como uma influência bidirecional entre nosso sistema nervoso e o coração.

Estamos expostos a mais de 30.000 estímulos externos por dia e dessa forma dificulta e mesmo nos fazem esquecer nossa capacidade de regulação das emoções através dessa técnica eficaz, investigada pela Neurociência do Comportamento em centenas de artigos publicados em renomadas revistas cientificas.

Insônia, ansiedade, agressividade, insegurança para falar em público, falta de libido, letargia, são alguns exemplos de desregulação emocional.

A influência sobre os batimentos cardíacos através da respiração(Levenson, 2003 apud Appelhans & Luecken, 2006), podem indicar maior capacidade de resiliência e menos vulnerabilidade ao estresse nos capacitando de forma mais eficiente para a vida no caminho do bem-estar fundamentado pelos achados da ciência.

A regulação das emoções pode ser ativada então através do deslocamento da atenção com afeto positivo conforme experimento do neurocientista Tiago Arruda Sanchez.(Tese Doutorado: Sanchez, Tiago Arruda. “Regulação emocional pela atenção: um estudo de neuroimagem por ressonância magnética funcional.”  Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP, data publicação, 23/08/2010

O TimetoMind é uma plataforma de treinamentos emocionais projetados para seu bem-estar e traz a metodologia S.R.( Self Regulation ).

Mais referências bibliográficas estarão disponíveis no site.

RUY

Mini CV Ruy Marra

Acredita na capacidade ilimitada de evolução das pessoas com base no propósito, bem-estar, planejamento, pensamento sistêmico e indicadores com neurotecnologia, com foco na regulação das emoções.

Morria de medo de altura e para superar  esta limitação  fez um curso de asa delta em 1980 e tornou se duas vezes campeão brasileiro e recordista mundial com voos duplos de asa delta( +28.000 voos duplos).

Aprofundou-se em meditação nos anos 80 e decidiu abandonar sua carreira de advogado com especialização em propriedade intelectual para estudar biopsicologia e dedicar se a prática do voo livre, algo totalmente inusitado para os anos 90.

Como é que você lida com os desafios que surgem na sua vida? Foi com essa pergunta na cabeça e a asa delta nas mãos que o recordista mundial em número de voos duplos, o carioca Ruy Marra, se jogou sem medo numa área que tem muito a revelar: a neurociência, a ciência que estuda o cérebro, aplicada ao comportamento.

Ruy quis saber o que se passa na cabeça das pessoas quando estão diante de situações de tensão. Fez uma pesquisa com 2000 pessoas que voaram com ele durante dez anos.

Identificou possíveis  padrões de comportamento sobre estresse. E na praia ele aplicava um questionário voluntário sobre afeto positivo e interações sociais.

Ruy descobriu que a reação de cada um diante de um desafio depende da percepção de afeto dessa pessoa na infância aliado às experiências de interações sociais.

Nasce a startup Superar Neurotecnologia e treinamentos no Instituto Genesis na PUC como vencedora de um edital de inovação da Prefeitura do RJ.

Atualmente integra o grupo de pesquisa em neuroimagem e psicofisiologia da Faculdade de Medicina UFRJ coordenado pelo prof. E neurocientista Tiago Arruda Sanchez.

Estados cerebrais podem alterar estados fisiológicos e estados fisiológicos podem alterar estados cerebrais. Daí surgiu a plataforma de treinamento Timetomind fundamentada na neurociência do comportamento. Parcerias com o Laboratório de Neuroimagem avançada da UFRJ, Laboratório de Educação Cerebral da UFSC e com a Nossobit, empresa de Inteligência Artificial, são estratégicas para o desenvolvimento dessa plataforma.

Autor de três livros: Decolando para a Felicidade(Ed Rocco) prefácio do Dr. David Servain Schreiber e do Rabino Nilton Bonder, Muito Além do Voo(coautora Jornalista Mara Luquet) Ed Letras e Lucros / Leya, Aprendendo a Respirar(coautores Prof. Emílio Takase(Laboratório de Educação Cerebral), Dra. Fernanda Amaral e Dra. Mariana Lopez).

Com registros na mídia, Cérebro Máquina de Aprender(Jornal da Globo), NBC( Good Morning America), CNN, Media online, TED( Past is not destiny)  e TEDx(Passado não é destino). Atualmente mora no Rio de Janeiro.

Links

BIBLIOGRAFIA

Julian F. Thayera,b,∗ ET AL. “A meta-analysis of heart rate variability and neuroimaging studies: Implications for heart rate variability as a marker of stress and health” 2012 Neuroscience and Biobehavioral Reviews 36(2012) 747–756

Porges, Stephen W. Teoria Polivagal:fundamentos neurofisiológicos das emoções, apego, comunicação e autorregulação  Ed Senses 2012.

Rocco,Patricia Rieken Macedo,Zin-Walter Araujo. Fisiologia Respiratoria Aplicada. Ed Guanabara 2009.

Lowen, Alexander. O corpo em terapia: a abordagem bioenergética(1958) – São Paulo, Ed. Summus, 7ª edição, 1977.

Workshop sobre “Trauma, Memória e Restauração do Self”, realizado em maio de 2013 na Escola Brasileira de Cirurgiões, no Rio de Janeiro. Dr Bessel  Van Kolk é considerado como o maior especialista no estudo do estresse pós-traumático, com sete livros publicados(todos sobre memória e trauma) e uma longa lista de artigos em revistas especializadas abordando o TEPT(Transtorno do Estresse Pós-Traumático), efeitos do trauma em geral, trauma infantil e temas relacionados. Organizado pela ABT, Associação Brasileira de Trauma.

DAVIDSON, Richard J., et al. “Alterations in brain and immune function produced by mindfulness meditation.” Psychosomatic medicine 65.4: 564-570, 2003.

Kok BE, Coffey KACohn MACatalino LIVacharkulksemsuk TAlgoe SBBrantley MFredrickson BL How positive emotions build physical health: perceived positive social connections account for the upward spiral between positive emotions and vagal tone. Psychol Sci. 2013 Jul 1;24(7):1123-32

ANDREWS, Susan. A Ciência de Ser Feliz, Editora Ágora, 2011.

CAMELO, Gonzaga, L. Efeitos da meditação prânica sobre o bem-estar físico e emocional e praticante recentes, 2011. Disponível em: <http://hdl.handle.net/10482/9359>.

DAVIDSON, Richard J., et al. “Alterations in brain and immune function produced by mindfulness meditation.” Psychosomatic medicine 65.4: 564-570, 2003. DAMÁSIO, A. O Livro da Consciência: A Construção do Cérebro Consciente. Lisboa. Circulo dos Leitores, 2010

LEWIS, David. One minute stress management. Ed Vermilion; New edition, edition UK(6 Jan. 2000)

OLIVA, A.; DIAS, P. &. R. A. Plástica Sináptica: Natureza e Cultura modelando o Self. Psicologia: Reflexão Crítica, Rio de Janeiro – RJ: Universidade do Estado do Rio de Janeiro & Universidade Federal do Rio de Janeiro, v. 22, n. 1, 2009. p. 128-135.

ORTEGA, F. Neurociências, neurocultura e autoajuda cerebral, Comunicação Saúde Educação(pp. 247-260), vol. 13, nº 31, 2009 Disponível em: <http://www.scielo.br/pdf/prc/v22n1/17.pdf>

Ururahy,Gilberto ;Albert,E. O Cérebro Emocional. Editora Rocco, 2005.

Vestergaard-Poulsen, P., van Beek, M., Skewes, J., Bjarkam, C. R., Stubberup, M., Bertelsen, J., & Roepstorff, A.(2009). Long-term meditation is associated with increased gray matter density in the brain stem. Neuroreport, 20, 170-174.

WEILLER, C; RIJNTJES, M. Learning, plasticity, and recovery in the central nervous system. Exp. Brain Res., v.128, n.1-2, p.134-8, 1999.  

Sylvia D. Kreibig,” Autonomic nervous system activity in emotion: A review”. Biological Psychology., Volume 84, Issue 3, July 2010, Pages 394–421

BANHATO, E. F. C. & Nascimento, E. Função executiva em idosos: um estudo utilizando subtestes da Escala WAIS-III. Psico-USF,12,(1), 65-73. 2007.

Stanbury, K, & Gunnar, M.R.(1994). Adrenocortical Activity and emotion regulation. In N.A. Fox(Ed), Emotion Regulation :Behavioral and biological considerations, Monograph of the Society for Research in Child Development, 12, 108-134

Armour,J,A.: Ardell, J.Neurocardiology( New York: Oxford University Press: 1994)

Armour,J,A.(org).”Anatomy and function of the intrathoracic neurons regulating the mammalian heart”. Reflex control of the circulation( Boca Raton, FL:CRC. Press 1991).

Gershon, M. D. “The enteric nervous system :a second brain”. Hospital Practice(Office Edition) 34, n 7(1999): 31-32, 35-38, 35-38, 41-42 passim.

PORGES, Stephen W. Teoria Polivagal, Editora Senses, 2011

Stefan Koelsch , Juliane Enge,,Sebastian Jentschk. “Cardiac Signatures of Personality”. Published: February 21, 201D10.1371/journal.pone.0031441

  1. K. T. Davidson, J.Kabat-Zinn et al., “Alternations in brain and immune function produced by mindfulness meditation”. Psychosomatic Medicine 65( 2003);564-570)

Usha Goswami. “Neuroscience and education”. British Journal of Educational Psychology. Volume 74, Issue 1, pages 1–14, March 2004

Pabayo RKawachi IGilman SE “US State-level income inequality and risks of heart attack and coronary risk behaviors: longitudinal findings.” Int J Public Health. 2015 Jul;60(5):573-88

Tese Doutorado : Sanchez, Tiago Arruda. “Regulação emocional pela atenção: um estudo de neuroimagem por ressonância magnética funcional.”  Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP, data publicação, 23/08/2010.

timetomind.com